Foto Izabel Chumbinho
Foto Élcio Paraíso
Foto Élcio Paraíso
Foto Élcio Paraíso
Foto Élcio Paraíso
Foto Élcio Paraíso
Foto Élcio Paraíso
Foto Élcio Paraíso
Foto Élcio Paraíso
Foto Élcio Paraíso
Foto Élcio Paraíso
Foto Élcio Paraíso
Foto Élcio Paraíso
Foto Élcio Paraíso
Foto Élcio Paraíso
Foto Élcio Paraíso
Foto Élcio Paraíso

0
0
0
s2smodern
powered by social2s

centro arte popular foto informacoes
O Centro de Arte Popular - Cemig apresenta um amplo panorama de obras que privilegiam a riqueza e a diversidade das manifestações culturais populares, valorizando o trabalho de criadores que traduzem no barro, na madeira e em outros materiais o universo em que vivem.Sua edificação principal foi construída para uso residencial na década de 1920, tendo sido também a sede do antigo Hospital São Tarcísio.

No ano de 2012, a edificação foi adaptada para abrigar o CAP - Cemig, onde o público pode conhecer obras de artistas de várias regiões de Minas Gerais, como o Vale do Jequitinhonha, Cachoeira do Brumado, Divinópolis, Prados, Ouro Preto, Sabará e outras, entrando em contato com elementos representativos da pluralidade da cultura mineira.

O edifício possui quatro salas de exposição permanente, uma para exposições temporárias, um auditório para 60 lugares, uma sala para oficinas de arte e ainda um pátio interno destinado a um projeto de grafites. O espaço recebe eventos de artes visuais e cênicas, música e educação.


Funcionamento
Terça, quarta e sexta-feira | das 10h às 19h
Quinta-feira | das 12h às 21h
Sábado e domingo | das 12h às 19h

Entrada gratuita

Endereço e contato
Rua Gonçalves Dias, 1.608
Belo Horizonte - MG/Brasil
(31) 3222-3231

Redes sociais
Facebook
centrodeartepopular.mg.gov.br

0
0
0
s2smodern
powered by social2s
0
0
0
s2smodern
powered by social2s

Programação

  • Observatório

    Observatório do Circuito Liberdade é espaço permanente de debates

    O Circuito Liberdade, sob a gestão do Instituto Estadual de Patrimônio Histórico e Artístico de Minas Gerais (Iepha/MG), mantém um fórum permanente de escuta da sociedade: o Observatório do Circuito Liberdade. Neste espaço, buscamos o diálogo com as universidades, movimentos sociais e coletivos de cultura, para que governo e sociedade possam pensar juntos em soluções para as políticas de Cultura de Minas Gerais.

    Leia mais

  • Centro de Informação ao Visitante

    Prédio do Rainha da Sucata abriga o CIV e Hub Minas Digital

    O prédio do Rainha da Sucata abriga o Centro de Informação ao Visitante (CIV) do Circuito Liberdade e o Hub Minas Digital, projeto da Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (Sedectes). O CIV tem uma equipe que dispõe de todas as informações sobre o funcionamento e a programação dos espaços do Circuito Liberdade. Os atendentes prestam informações turísticas também sobre Belo Horizonte e Minas Gerais. O Hub Minas Digital é um espaço de coworking que oferece infraestrutura moderna, estações de trabalho, ambiente para cursos, workshops, mentorias, área de convivência e conexão com o ecossistema de inovação mineiro.

    Leia mais

  • Ações em rede: em busca de soluções compartilhadas

    Articular ações em rede é um dos desafios permanentes do Circuito Liberdade. Tendo como ponto de partida a política estadual de cultura, a equipe do Circuito realiza projetos coletivos, que envolvem os diversos equipamentos culturais do complexo.

    O objetivo deste trabalho é ampliar os resultados das atividades e envolver novos grupos no desenvolvimento dos eventos. Em rede, as ações múltiplas e diversificadas alcançam um público maior, potencializam recursos e habilidades e também propiciam o aprendizado e o compartilhamento de soluções.

    Esta concepção, a partir de uma ótica de cooperação, é inerente ao projeto do Circuito Liberdade, que, sob a gestão do Iepha-MG, se articula com o espaço urbano e os grupos artísticos e populares da capital e do estado de Minas Gerais.

    As ações em rede do Circuito Liberdade são executadas incluindo, além de todos os espaços do projeto, diversos parceiros institucionais públicos e privados.

    Atualmente são realizadas as seguintes ações em rede: Natal, Circuito das Letras, Museomix e Concurso no Instagram.

    Leia mais

  • Indicadores e Pesquisa de Público do Circuito

    Desde a sua inauguração em 2010, o número de visitantes recebido pelo Circuito Liberdade é coletado mensalmente, conferindo-nos a dimensão quantitativa do público atendido pelos nossos espaços culturais.

    Complementando esse importante indicador, realizamos desde 2016 a Pesquisa de Público do Circuito Liberdade, que permite a coleta de outras informações relevantes para a gestão, como a satisfação dos visitantes e o perfil do público, com vistas a melhorar os serviços culturais que oferecemos à população de Belo Horizonte e aos turistas.

    A Pesquisa de Público 2017 do Circuito Liberdade foi realizada em parceria com o curso de turismo da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), que deverá se repetir em 2018.

    Objetivo geral

    • Identificar o perfil do usuário do Circuito Liberdade e a qualidade da infraestrutura e dos serviços prestados pelos espaços.

    Objetivos específicos

    • Identificar as características básicas e as motivações do visitante e demais usuários do Circuito Liberdade;

    • Identificar e diferenciar o perfil e as demandas dos turistas ao Circuito Liberdade;

    • Identificar as condições de recebimento dos usuários do Circuito Liberdade;

    • Avaliar a satisfação dos usuários com relação aos espaços do Circuito Liberdade;

    • Avaliar o conhecimento dos usuários dos espaços culturais em relação ao projeto Circuito Liberdade.

    Contribua também com os nossos indicadores, respondendo o seguinte formulário: http://bit.ly/2D4HQZp

Parceiros

  • Arquivo Publico Mineiro
  • BDMG Cultural
  • Biblioteca Publica Luiz
  • Casa Fiat
  • Centro Cultural
  • Fundacao Clovis Salgado
  • Gerdau
  • Horizonte Sebrae