Filarmônica de Minas Gerais volta a se apresentar ao vivo na Sala Minas Gerais, ainda sem presença de público

No dia 29 de abril, às 20h30, a Filarmônica de Minas Gerais volta à Sala Minas Gerais, espaço integrante do Circuito Liberdade, e apresenta, ao vivo, duas importantes sinfonias do século XIX: a Sinfonia nº 8 em si menor, D. 759, “Inacabada”, de Schubert, e a Sinfonia nº 4 em ré menor, op. 13, de Dvorák. A celebrada Sinfonia Inacabada de Schubert, com seus dois belos e completos movimentos, prenuncia uma virada estética do Classicismo ao Romantismo. A Quarta Sinfonia de Dvorák é um exemplo maior da linha nacionalista tão característica da música sinfônica romântica. A condução será do regente assistente José Soares.

Por enquanto, a autorização para a retomada das atividades da Orquestra não prevê a presença de público na Sala Minas Gerais. O concerto do dia 29 (quinta-feira) terá transmissão ao vivo aberta ao público pelo canal da Filarmônica de Minas Gerais no YouTube. Este projeto é apresentado pelo Ministério do Turismo, Governo de Minas Gerais, CBMM, Itaú e Cemig, por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura. Realização: Instituto Cultural Filarmônica, Secretaria Estadual de Cultura e Turismo de MG, Governo do Estado de Minas Gerais, Secretaria Especial da Cultura, Ministério do Turismo e Governo Federal.

 Programa

29 de abril – 20h30
Sala Minas Gerais
Transmissão ao vivo pelo canal da Filarmônica no YouTube
José Soares, regente

 

0
0
0
s2smodern
powered by social2s