Circuito Liberdade participa da 6ª edição do Noturno nos Museus

Diversas atrações culturais podem ser visitadas até às 23h.

O mês de julho chegou e traz para o Circuito Liberdade a 6° edição do Noturno nos Museus, que acontece nesta sexta-feira (5), das 18h às 23h. Com o objetivo de ampliar o funcionamento e a programação, os espaços culturais apresentam oficinas, exibições de curtas-metragens, rodas de conversas, exposições, palestras, espetáculos de músicas, danças e teatro. Oito equipamentos que integram o Circuito Liberdade estarão de portas abertas para receber os visitantes da capital mineira. Atividades gratuitas e pagas serão oferecidas. Este ano, o público conta com uma programação especial em horário estendido de 29 instituições participantes.

A novidade em 2019 é o trajeto de bicicletas que vai percorrer alguns dos museus participantes e será coordenado pelos grupos Giro Rua, Bloco da Bicicletinha e BH em Ciclo. A concentração será às 18h30, com saída às 19h30, na Growleria de Arte, Rua Sergipe, 629, Funcionários.

Para promover a mobilidade entre os museus e os participantes, serão disponibilizadas, gratuitamente, vans que irão circular das 18h até 23h. Os veículos estão sujeitos à lotação, de acordo com a capacidade de lugares.

Promovido desde 2013 pela Prefeitura de Belo Horizonte, por meio da Secretaria Municipal de Cultura e da Fundação Municipal de Cultura, o evento atrai um público diverso.  O Noturno de Museus tem por objetivo fomentar a apropriação e fruição do público em relação aos museus de Belo Horizonte, proporcionando às pessoas a oportunidade de visitar essas instituições em horários alternativos, bem como acompanhar as atividades que são realizadas nos museus da cidade.

Confira a programação que os espaços culturais do Circuito Liberdade preparam para o evento:

O Museu Mineiro estará com suas portas abertas até às 22h, disponibilizando ao público uma série de atividades gratuitas: o lançamento do catálogo da exposição “Inconfissão” da artista Rosângela Dorazio que realizou exposição no Museu este ano, além de projeções de outras obras de sua autoria. O público poderá conferir as mostras Estadia 2 e InventaRios e exibição no ATRIUM e na Galeria I. Também haverá visita mediada pelo educativo.

As atividades do Espaço do Conhecimento UFMG estabelecem o foco na área astronômica. A Observação Noturna no Terraço Astronômico e a Maratona de Contação de Histórias, como as crenças culturais diversas que englobam todo o planeta. Dentre eles, a judaico-cristã, grega e maia. A exposição temporária “Energia e Movimento” convida o público a perceber a dinâmica e funcionamento dos seres humanos com a natureza. No mesmo período, as sessões do planetário ficam abertas com filmes em exibição como “O Segredo do Foguete Papelão”, que mostra uma viagem através dos planetas do sistema solar e “O céu de Belo Horizonte” que retrata as constelações e astros que compõe o céu da capital.

A Casa Fiat de Cultura faz a continuação das atrações abertas a todos os públicos com a classificação livre. A exposição “Os Gigantes das Montanhas” com o Grupo Galpão em “Do Teatro aos Quadrinhos”, conta sobre a obra de narrativa original do autor italiano Luigi Pirandello, que mostra o processo de adaptação da peça dramática para a linguagem das HQs. O espaço conta também com a exposição “Tudo é Eco no Universo” do artista plástico Augusto Fonseca, que reúne 12 obras entre aquarelas, desenhos e objetos com o intuito de gerar reflexão aos visitantes sobre a sociedade atual.

Quantos Brasis cabem no Brasil? E em uma foto? A ação educativa oferecida pelo Memorial Minas Gerais Vale propõe uma imersão no processo criativo de Walter Firmo, convidando os visitantes a dirigirem a montagem de suas próprias fotografias. Vá e compartilhe sua foto com a #afrommgv. No Verso Encena, que acontece no teatro Casa da Ópera, os visitantes poderão realizar a leitura dramatizada de poesias e textos diversos.

Os visitantes do MM Gerdau - Museu das Minas e do Metal poderão visitar a exposição permanente, contando também com mediação em libras, além da exposição temporária “Fósseis: do mar a conquista da Terra”, que revela a expansão da vida na Era Paleozóica até o continente. O museu ainda disponibiliza aos visitantes o TerrAço do Museu a “Tardezinha no Terraço”, com vista da Praça da Liberdade, com músicas e comidinhas do ponto gastronômico “A Cafeteria”.

A montagem teatral Macunaíma, da Cia Barca dos Corações Partidos, no Centro Cultural do Banco do Brasil de Belo Horizonte, apresenta a encenação da atriz Bia Lessa através de uma rapsódia musical. A peça é composta por músicas originais e trilhas musicais do grupo experimental O Grivo, com direção musical de Alfredo Del Penho e Beto Lemos. O espetáculo O Imortal também está em exibição contando a história de uma personagem, interpretada pela atriz Gisele Fróes, que recebe de um antiquário os seis volumes da obra de Homero, Ilíada, que tem como base o conto de Jorge Luis Borges. O espetáculo investiga os diversos sentidos da imortalidade. Dentre as atividades educativas, a oficina “Lugar de Criação: Lightpainting - Desenhando com a Luz”. Os visitantes poderão criar desenhos feitos com luz usando lanternas coloridas. Para o registro, será usada uma câmera fotográfica digital. Ao fim da ação haverá uma exposição das imagens produzidas.

O Centro Cultural Minas Tênis Clube, que recentemente passou a compor o Circuito Liberdade, também participa do Noturno nos Museus. Com a curadoria de Marconi Drummond, a exposição coletiva “CRIA_experiências de invenção” tem como objetivo revelar possibilidades de apreciação e entender que a arte pode ser tudo. Voltada para o público infantil, a mostra agrada adultos e os leva a experimentar as obras com o olhar curioso das crianças. Os visitantes do Centro Cultural também contam com a exposição de longa duração “Minas Tênis Clube: várias Histórias” que tem o propósito de contar a trajetória do Minas Tênis Clube como parte integrante da história da capital mineira. Essa exposição, e também a mostra “CRIA_experiências de invenção”, na Galeria de Arte, terão visitas mediadas, a partir das 18h, a cada 30 minutos.

A Galeria BDMG Cultural oferece ao público uma oficina de desenho com o artista João Pedro Nemer. A atividade irá explorar diferentes materiais e dimensões, permitindo uma imersão dos participantes no desenho como forma de expressão, investigação e experimentação. O artista é formado pela Escola de Belas Artes da UFMG,  foi bolsista do CNPQ pelo programa Ciências Sem Fronteiras na Royal Academy of Arts (KABK), na Holanda, e  na Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto, em Portugal. Uma das características de sua pesquisa está na revelação do seu processo criativo convidando o espectador a ir além da obra finalizada e exposta.

Essas e outras atrações culturais que integram a 6ª edição do Noturno nos Museus, no dia 5 de julho, podem ser acessadas no site do evento: bit.ly/NoturnonosMuseus2019

Serviço: Noturno nos Museus

Quando: Sexta-feira, 5 de julho de 2019

Onde: Circuito Liberdade

Horário: Das 18h às 23h

Atendimento à imprensa

Leandro Henrique Cardoso

(31)3235-2812

0
0
0
s2smodern
powered by social2s